O CredifilEmpréstimosCartão de CréditoCréditoFinanciamentoRefin.Consórcios

Bradesco desiste da compra da Losango - 24/01/2012

O Bradesco desistiu da compra da Losango, que continua sob controle do Banco HSBC.


por Marco Henrique Torres

A possível venda da Financeira Losango para o Bradesco não avançou e o HSBC continuará no controle da empresa. A Losango, maior financeira do Brasil, foi colocada à venda pelo Banco HSBC como maneira de adequar sua estratégia de atendimento a clientes de renda alta, retirando seus investimentos do setor de varejo para realocar os recursos em outras áreas. A financeira tem produtos de crédito pessoal, financiamentos ao consumo, cartões de crédito e outros.

Quatro bancos se interessaram inicialmente pelo negócio, mas apenas o Banco Bradesco evoluiu, com uma oferta que teria girado em torno de 600 milhões de reais. O Banco HSBC, por sua vez, tinha a expectativa de vender a financeira por um valor perto de 800 milhões, principal motivo pelo qual o negócio não avançou. Outro ponto importante de discordância que inviabilizou o negócio foi a responsabilidade por eventuais despesas com processos trabalhistas.

O Banco Bradesco insistia que o HSBC assumisse qualquer despesa com processos trabalhistas, pois temia que os funcionários da Losango, em sua maioria promotores de venda, pudessem conseguir na justiça serem considerados bancários ao sair da empresa, o que aumentaria custos trabalhistas. O HSBC teria aceito assumir parte do custo, mas o Bradesco queria que assumissem toda a responsabilidade.

A JP Morgan, que era responsável pela negociação e procura de possíveis compradores já não está trabalhando no projeto e os executivos do HSBC que estavam no Brasil já voltaram à Inglaterra. A Financeira Losango, pelo menos pelo momento, continua sendo do Banco HSBC.
» Voltar

Outros Temas


Brasil